terça-feira, janeiro 03, 2017

NACIONAL: Presos de facções do Amazonas irão para presídios federais, diz ministro
Associação de Cabos e Soldados PM JAR04:25 0 comentários



Por conta da rebelião, 130 apenados foram transferidos para penitenciária desativada de Manaus

 
Presos de facções do Amazonas irão para presídios federais, diz ministro | Foto: Márcio Silva / AFP / CP


Os presos ligados a facções do Amazonas que participaram da rebelião que terminou com 60 mortes no Complexo Penitenciário Anísio Jobim e na Unidade Prisional do Puraquequara, em Manaus, serão encaminhados para presídios federais. A informação é do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, e foi publicada nesta terça-feira pelo jornal Folha de São Paulo.
De acordo com o jornal, Moraes se reuniu com o governador do Amazonas, José Melo, e ainda não divulgou os nomes dos presos envolvidos no confronto. Os apenados devem ser apontados no inquérito aberto pela Polícia Civil de Manaus. Por conta da rebelião, 130 homens foram transferidos para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, que estava desativada desde outubro de 2016.
Conforme a Folha de São Paulo, Moraes anunciou que o governo federal irá liberar R$ 1,8 bilhão para presídios em 2017. Parte da verba será destinada a um projeto que bloqueará telefones celulares em 30% das penitenciárias. A estimativa de custo para o bloqueio é de R$ 146 milhões ao ano.
Alexandre de Moraes comentou que há a possibilidade de que o governo adquira 3 mil scanners corporais para presídios no País. O ministro relatou que R$ 1,2 bilhão já foram liberados, na proporção de R$ 45 milhões por estado.
 

Categoria: ,
Sobre o autor Anderson Rodrigues é Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Publicidade e Propaganda e graduando em Letras - Revisão e Redação de textos pela Universidade Federal de Pelotas. Jornalista Registro Profissional 0019016/RS e Publicitário Registro Profissional 0001599/RS.

0 comentários

Postar um comentário

Sua opinião nos motiva a melhorar mais e mais!