sábado, agosto 29, 2009

INFORMATIVO DA ABPBM de SANTA ROSA
TRIBUNO DOS SOLDADOS16:25 1 comentários

As Entidades de Classe reuniram-se com o Comando Geral da BM: A ASSTBM, ABAMF, AsofBM e Associações independentes do interior do Estado, como a nossa de Santa Rosa.
A reunião tem por objetivo alterar a Lei 10.992 de 1997 (Plano de Carreira), os principais pontos debatidos foram:

Criar um salário básico para todos os Postos e Graduações em troca dos 222% do risco de vida e a grande argumentação dos representantes do governo (Cmdo Geral) é que quando formos para a reserva qual o risco de vida que temos? Pois a argumentação gira em torno de ações existentes em outros Estados por parte do governo de não mais pagar o risco de vida na inatividade, “essa é a grande preocupação”.
- O Sd passaria a ganhar um salário básico de R$ 1.900,00.
- O 2° Sgt passaria a ter um salário básico de R$ 2.050,00.
- O 1° Sgt passaria a ter um salário básico de R$ 2.150,00.
- O 1° Ten passaria a ter um salário básico de R$ 2.250,00.
- O Cap QOEM passaria a ter um salário básico de R$ 7.000,00
, os valores que estão apresentados pode haver alguma variação nas diferenças de 2º Sgt e 1º Ten, pois só foi apresentado no projetor assim por diante.
A grande questão e duvida que fica é substituindo o risco de vida por esse novo salário qual a garantia de aumento que iremos ter daqui em diante?
Hoje por força de lei e justiça e pressões políticas o básico não pode ser menor que um salário mínimo, sendo dessa forma o salário chegaria nesse salário proposto para Sd.
A grande diferença salarial encontra-se na diferença do 1° Ten e Cap, elevando para cima os salários dos oficiais intermediários e achatando para baixo os salários dos níveis médios.
Foram acordados interstícios para os integrantes do nível médio para criar um plano de carreira na BM:
Ao incluir o Soldado fica sete anos para ter acesso ao concurso a 2° Sgt com um percentual de 50% por antiguidade e 50% por concurso.
- O 2° Sgt fica na graduação por seis anos (6) para ser promovido a 1º Sgt.
- O 1° Sgt fica na graduação por seis anos (6) para estar aptos a efetuar o concurso de 1° Ten com um percentual de 50% por concurso e 50% por antiguidade.
Foi proposto o fim da promoção quando for para a reserva, neste ponto todas as associações de Praças foram unânimes em ser contra a proposta.
A próxima reunião será no dia 19/08/09 as 09:00 h, QGBM para assinatura da ata e encaminhamento da proposta da BM para a Governadora e posterior para a Assembléia Legislativa.
É hora de reflexão e de pensarmos no passado o que aconteceu quando foi baixado o risco de vida de 222% para 90%, sendo que faz pouco tempo que foi recuperado; as promessas de qualificação do efetivo para ter argumento para pedir aumento para o efetivo para confecção do BO (TC e COP).
Agora é o tempo de união de todas as entidades de classe dos praças da BM de refletir essa proposta!
Categoria:
Sobre o autor Anderson Rodrigues é Bacharel em Comunicação Social e graduando em Letras - Revisão e Redação de textos.

1 comentários

Postar um comentário

Sua opinião nos motiva a melhorar mais e mais!