quarta-feira, novembro 30, 2016

Governo credita parcela de R$ 2,1 mil para servidores gaúchos nesta quarta
Associação de Cabos e Soldados PM JAR04:08 0 comentários



Previsão é de que a folha seja quitada integralmente até o dia 13 de dezembro

Governo parcela salários pela décima vez em 2016 | Foto: Ivan de Andrade/Palácio Piratini/CP


Os servidores do Governo do Rio Grande do Sul recebem, nesta quarta-feira, a primeira parcela referente aos salários de novembro. O valor total chega a R$ 2.150 para cada matrícula. A previsão é de que a folha seja quitada integralmente até o dia 13 de dezembro.
Com os valores depositados amanhã, serão integralizados 51,1% dos pagamentos da folha do Poder Executivo. Conforme a Secretaria da Fazenda, ainda serão necessários R$ 438,9 milhões para quitar a quantia total, de R$ 1,03 bilhão.
O pagamento de uma parcela maior amanhã, no comparativo com meses anteriores, decorre principalmente, do ingressos de recursos do acordo judicial com a Ford e da venda de créditos da General Motors (GM).
O pagamento das demais faixas depende da ingresso de receita. Esse é o décimo parcelamento feito pelo Governo do RS em 2016.



 

terça-feira, novembro 22, 2016

PACOTE DE MALDADES: Pacote de Sartori tem cerca de 40 medidas e atinge todos os poderes
Anderson Rodrigues18:38 0 comentários

Foto Montagem: Anderson Rodrigues

UMA DAS PROPOSTAS DO GOVERNO PREVÊ AUMENTAR A PERMANÊNCIA DE POLICIAIS NO SERVIÇO PÚBLICO

Com medidas relacionadas à modernização administrativa, a mudanças no serviço público e ajuste fiscal, Piratini espera economizar R$ 146,9 milhões, sendo a maior parte oriunda das extinções das fundações
Com um discurso de que o Estado passa por uma situação de calamidade financeira, o governo Sartori pretende anunciar até esta terça-feira um pacote que mexerá com a vida de grande parte dos funcionários públicos e terá impacto em todos os poderes (Judiciário, Assembleia, Ministério Público).
O pacote será dividido em três grandes áreas. A primeira trata da modernização da estrutura do Estado. Em resumo, significa quatro fusões de secretarias — reduzindo de 20 para 16 pastas —, a extinção de nove fundações, uma autarquia e uma companhia (além de outras quatro que serão federalizadas ou privatizadas).
Com essas medidas estruturais, o governo teria economia de R$ 146,9 milhões, sendo a maior parte oriunda das extinções das fundações (R$ 129,8 milhões). Neste total, não estão incluídos os possíveis valores que seriam obtidos com a federalização ou privatização de CEEE, CRM e Sulgás. Governo encaminhará uma proposta de emenda à Constituição (PEC) retirando a necessidade de realização de plebiscito para a venda desses três órgãos.
A segunda grande área se refere ao serviço público. Uma das medidas prevê a PEC para eliminar a remuneração dos servidores que não estão desempenhando as funções para as quais foram nomeados por estarem cedidos a entidades de classe. Atualmente são 317 servidores cedidos, a um custo mensal de R$ 2,9 milhões. Outra proposta prevê dois projetos de lei complementar aumentando a contribuição previdenciária de 13,25% para 14%. A nova alíquota vale para todos os servidores vinculados ao Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), civis e militares, de todos os poderes. O pacote inclui também a limitação ao teto do funcionalismo. Pela regra proposta, o IPE deverá pagar a pensão, somada a vencimentos ou aposentadoria, respeitando o teto do funcionalismo previsto na Constituição Estadual, atualmente fixado em R$ 30.471,11.
Os servidores da Segurança Pública serão atingidos com várias medidas. Uma delas prevê aumentar a permanência de policiais no serviço público. Hoje, a cada cinco anos trabalhados, os militares têm direito a três meses de afastamento do serviço, a exemplo da licença-prêmio dos civis. Se não gozar, pode duplicar esse período sucessivamente, averbando para sua aposentadoria. Pela proposta do governo, essa licença especial é transformada em licença-capacitação de três meses, sem possibilidade de acumular ou dobrar períodos. Assim, fica eliminada a contagem de tempo ficto para fins de aposentadoria. Ficam respeitados os períodos já acumulados. Na prática, a partir de agora, o militar cumprirá todo o período de 30 anos de efetivo serviço para passar à reserva. Isso resulta, em média, em três anos a mais na prestação de serviço por militar.
A última grande área prevista no pacote é a do ajuste fiscal. Uma proposta de emenda à Constituição altera os artigos 146 e 156. Os repasses dos duodécimos dos poderes e órgãos serão calculados pela Receita Corrente Líquida efetivada, limitados ao orçamento previsto.
Também será encaminhada uma PEC que retira do texto a data de pagamento do funcionalismo até o último dia do mês. Após aprovação, o governo vai propor um calendário escalonado, priorizando os menores salários e dando maior previsibilidade de pagamento aos servidores do Estado e autarquias.
O Piratini espera aprovar todo o pacote até 31 de dezembro.

FONTE:  ZERO HORA


domingo, outubro 30, 2016

O Governo Gaúcho teria BILHÕES em caixa
Associação de Cabos e Soldados PM JAR16:28 0 comentários



Será que o Governo Gaúcho está simulando uma grave crise? Será que o Governo está desgastando o funcionalismo público por pura maldade? É difícil conceber tal possibilidade, por mais que os Governos Peemedebistas sejam algozes do funcionalismo público, ainda assim, simular uma crise para justificar o parcelamento dos salários do funcionalismo público seria um ato extremamente diabólico, até mesmo para o PMDB. 

Para o Presidente do SINTERGS, Nelcir André Varnier, o Governo está retendo mais de 2 bilhões em caixa, conforme apontam estudos preliminares realizados pelo SINTERGS. Ouça o áudio da entrevista AQUI

Contudo, não podemos ter certeza de que o Governo realmente possui essa quantia, seria temerário fazermos suposições sem as devidas provas, no entanto, uma das soluções para que possamos entender as contas do Estado Gaúcho seria fazer uma auditoria nas contas do governo, conforme sugeriu Geraldo da Camino, procurador-geral do Ministério Público de Contas, afim de que, o governo detalhe os gastos em áreas vitais, como segurança pública, saúde e educação. 

Anderson Rodrigues
Comunicação Social-ACSJAR
Bel. Comunicação Social

quarta-feira, outubro 19, 2016

GOVERNO DO RIO GRANDE DO SUL DA CALOTE EM SINDICATOS DE SERVIDORES PÚBLICOS
Anderson Rodrigues15:47 0 comentários

FOTO: ANDERSON RODRIGUES

Mais um golpe do Governo de José IvoSartori, se não fosse o bastante parcelar os salários dos Servidores Públicos, desta vez ele “furtou” dos Sindicatos o dinheiro pago pelos associados, Policiais Civís(UGEIRM) e dos Professores(CPERS). Isso é inconcebível, pois a receita oriunda dos descontos que incidem noscontrachequess dos servidores é captada pelo Tesouro do Estado e deve ser depositado no máximo até o dia 15 de cada mês, esse valor é de suma importância para a manutenção dos Sindicatos e pagamento dos funcionários. Seria uma tentativa de fragilizar os Sindicatos dos ServidoresPúblicos?


Governo dá calote e não repassa para o Sindicato o que já foi descontado dos salários dos sócios



O CPERS denuncia que o governo Sartori (PMDB) não repassou a mensalidade dos associados da entidade. O valor referente ao mês de setembro já foi descontado da folha de pagamento dos educadores, mas ainda não foi repassado para o Sindicato.

Todos os meses são descontados 2% do salários dos professores e 1% dos salários dos funcionários de escola, esse valor tem que ser repassado todos os dias 15 de cada mês para o Sindicato, o que ainda não ocorreu.
A Secretaria da Fazenda, órgão responsável pelo trâmite, diz não ter previsão de quando será regularizado o repasse.
O Sindicato repudia essa irresponsabilidade do governo Sartori e seus aliados. Mais uma vez, o governo demonstra total desrespeito com os servidores públicos estaduais, além de parcelar constantemente os salários do funcionalismo público agora está retendo o dinheiro dos trabalhadores associados.
Sartori, onde está o dinheiro dos associados? Será que essa postura anti-sindical será mais uma marca deste governo?


Fonte: SINDICATO CPERS

Sartori/PMDB se apropria de dinheiro dos Policiais Civis


Todos os meses, o Governo do Estado desconta, do contracheque dos servidores públicos, o valor correspondente à mensalidade dos sindicatos. Esse desconto acontece com a autorização dos servidores que se sindicalizam nos sindicatos das suas categorias. No caso dos Policiais Civis, o desconto é feito da Folha de Pagamento no fim do mês e repassado para o sindicato no dia 15 do mês subsequente. Esse dinheiro não é do governo do estado, este apenas desconta da Folha de Pagamento e repassa aos sindicatos.
Neste mês, o governo Sartori/PMDB fez mais uma das suas ilegalidades. Descontou o dinheiro da conta do policiais e não repassou para os sindicatos. Ao ser questionada, a Secretaria de Fazenda informou que não existe previsão para o repasse e que o mesmo será feito quando houver dinheiro em caixa. Ou seja, além de parcelar os salários, agora o governo Sartori/PMDB, descaradamente, coloca a mão no dinheiro dos servidores, gasta e diz que vai pagar quando tiver dinheiro. Isso é Apropriação Indébita, crime previsto no artigo 168 do Código Penal Brasileiro, que consiste no apoderamento de coisa alheia móvel, sem o consentimento do proprietário. O criminoso recebe o bem por empréstimo ou em confiança, e passa a agir como se fosse o dono. É isso que o governador Sartori/PMDB está fazendo. Se apropriando do dinheiro dos Policiais e agindo como se fosse o dono.
O Departamento Jurídico da UGEIRM já está estudando as medidas judiciais cabíveis. De acordo com o Código penal, o crime de apropriação indébita é passível de pena de reclusão, de um a quatro anos, e multa.


FONTE: SINDICATO - UGEIRM 

segunda-feira, outubro 10, 2016

NOVOS CONVÊNIOS EM CANGUÇU/RS
Associação de Cabos e Soldados PM JAR14:11 0 comentários


CONVÊNIOS – CANGUÇU/RS

C
CONSERTO E REFRIGERAÇÃO
SCHELLIN REFRIGERAÇÃO
DESCONTO DE: 10% À VISTA
AVENIDA 20 DE SETEMBRO, 896
BAIRRO: TRIÂNGULO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-7468| 9978-3028 |84263838

COSMÉTICOS

VERSATILI COSMÉTICOS
DESCONTO DE: 15% À VISTA
RUA GENERAL OSÓRIO, 1385
BAIRRO: PRADO – CANGUÇU/RS
FONE: (53) 3252-3347
D
DENTISTA
                                     
DRa. ALINE SOUZA| Dra. CAMILA SHMALFUSS
DRa. MICHELE IGANSA

CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO
DESCONTO DE: 10%  À VISTA
RUA SILVA TAVARES, 1216
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-2808 | 3252-2865

DRa. MARIA DO CARMO|DENTISTA
DESCONTO DE: 12%  À VISTA
RUA GENERAL CÂMARA, 1403
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-1906 | 8138-1666

DR. THIAGO FREITAS LOPES
DESCONTO DE: 15%  À VISTA
ENDEREÇO¹ RUA JÚLIO DE CASTILHOS, 989| SALA: 204
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS

ENDEREÇO² RUA ERNESTO MONTE, 29
BAIRRO: TRIÂNGULO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 8114-2688| 8445-4761| 9937-3361

DRA. DEISE K. FABRES| CRO-RS 12409
DESCONTO DE: 10%  À VISTA
RUA JÚLIO DE CASTILHOS, 1403
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 8415-0615| 9978-2407| 8141-7745

DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS, GÁS E ÁGUA

IRMÃOS NOREMBERG LTDA.
DESCONTO DE: 3% À VISTA (Em bebidas e gás)
RUA 17 DE DEZEMBRO, 163
BAIRRO: VILA ISABEL – CANGUÇU/RS
FONE: (53) 3252-2662 – 3252-2442
F
FARMÁCIA
FARMÁCIA BRASIL


DESCONTO DE: 10% |ÉTICO
                               10%| GENÉRICO
RUA GENERAL OSÓRIO
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-1249



INOVE
DESCONTO DE: 20% | FISIOTERAPIA
                               10%| MUSCULAÇÃO E PILATES
RUA TEÓFILO CONRADO DE MATTOS, 59
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-4049

CRISTIANO
FISIOTERAPIA – PILATES – MUSCULAÇÃO
DESCONTO DE: 10%  À VISTA
RUA JÚLIO DE CASTILHOS, 1403
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 8415-0615| 9978-2407| 8141-7745

FERRAGEM E MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

C.S.L
FERRAGEM E MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO
DESCONTO DE: A COMBINAR
BAIRRO: CENTRO– CANGUÇU/RS
FONE: (53) 3252-2651

L
LABORATÓRIO
LABORATORIO LABSUL
DESCONTO DE: 20% À VISTA
RUA PROFESSOR ANDRÉ PUENTE, 240
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-7019                                

LOJA INFANTÍL – VESTUÁRIO E CALÇADOS

KIDS MANIA
DESCONTO DE: 15% À VISTA
RUA GENERAL OSÓRIO, 1440
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU/RS
FONE: (53) 3252-1380


N
NUTRICIONISTA
DRA. FABRÍCIA REHBEIN NÖRNBERG| CRN 112720
DESCONTO DE: 10%  À VISTA
RUA JÚLIO DE CASTILHOS, 1403
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 8415-0615| 9978-2407| 8141-7745



P
POSTO DE COMBUSTÍVEL
 POSTO TREVO – MEGA PETRO
DESCONTO DE: 2%  À VISTA
AVENIDA 21 DE ABRIL, 180
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-1254

S
SUPERMERCADO

SUPERMERCADO HELING
DESCONTO DE: 2% À VISTA
RUA JOÃO DE DEUS NUNES, 44
BAIRRO: ISABEL – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-1412

SALÃO DE BELEZA

MOACIR ESPAÇO DA BELEZA
DESCONTO DE: 10% À VISTA (somente em cortes e química)
RUA TEÓFILO CONRADO DE MATOS
BAIRRO: PRADO – CANGUÇU/RS
FONE: (53) 3252-7745


V
VETERINÁRIO

VITAL PET - CONSULTÓRIO VETERINÁRIO
DESCONTO DE: 10% À VISTA
RUA TEÓFILO CONRADO DE MATOS, 153
BAIRRO: CENTRO – CANGUÇU-RS
FONE: (53) 3252-3295           

VIDRAÇARIA E SERRALHERIA

VIDRAÇARIA E SERRALHERIA COELHO
DESCONTO DE: 7% À VISTA
RUA FIRMINA MOREIRA
BAIRRO: PRADO – CANGUÇU/RS
FONE: (53) 3252-7075| 9121-4441